terça-feira, 7 de setembro de 2010

O QUE FAZER COM JOANETES?


O joanete, cujo nome científico é hallux valgus, se produz por um mau alinhamento entre dois ossos do primeiro dedo do pé, fazendo com que este aponte para o segundo dedo, ocasionado uma protuberância na lateral do pé.

Esta alteração aparece sozinha ou acompanhada por dedos em martelo (com a flexão do segundo dedo) ou dor no metatarso.
É mais freqüente nas mulheres e a existência de casos na família torna você mais propenso ao problema.


                          dedos em martelo

 


Conheça as maneiras para evitá-los.


Use calçado apropriado com biqueira larga, de material macio, que permita que os seus dedos se acomodem corretamente.
Evite os sapatos de bico fino. 

Se você tem joanete, em casa use um sapato antigo em que você tenha podido fazer um orifício para ficar mais confortável e evitar pressioná-lo. 

Se você usa saltos altos, eles não devem ter mais do que 4 ou 5 cm. 

Evite fazer esforços excessivos com o pé, como os do balé ou de certos esportes. 

Você pode usar peças ortopédicas como almofadinhas em volta do joanete ou entre o primeiro e segundo dedo, durante o dia ou à noite. 

As palmilhas para o calçado indicadas pelo seu médico podem ser úteis para melhorar a postura do pé, diminuir os sintomas e evitar que o problema se agrave. 

Se o joanete inflamar e doer:
  • Aplique gelo várias vezes ao dia para reduzir a inchação e, se o médico prescrever, tome um analgésico.
  • Você pode sentir alívio imergindo os pés em água quente  durante alguns minutos.
  • Massageie e faça exercícios de rotação do pé para os dois lados.
  • Deixe os pés elevados em repouso pelo menos10 minutos.

Importante

Consulte o ortopedista se o joanete:
  • Continuar doendo apesar de você cuidar dos pés e usar os calçados adequados.
  • Impedir você de andar e realizar outras atividades normais.
  • Apresentar vermelhidão, inflamação ou dor acentuada, principalmente se você for diabético.
  • A cirurgia para eliminar o joanete se chama bunionectomia. Ela corrige a deformidade, reconstrói os ossos e a articulação, e restabelece as suas funções.
    A recuperação completa pode levar de três a cinco semanas.    Fonte:bemsimples
  •  
  •  
  •  




veja matéria publicada neste blog em
15 set 2009

SALTO ALTO; O GRANDE DILEMA DELAS







.

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    Postar um comentário